logo

José Maria Machado é julgado mais uma vez

O fazendeiro José Maria Machado, acusado em quatro processos e um inquérito relativo a sua atividade de tráfico de drogas, roubo de carros e mesmo em vida pessoal, foi levado a júri popular ontem como o homem que mandou assassinar o pai e a madrasta de uma de suas ex-mulheres. Até o fechamento desta edição, a sentença não havia sido proferida e a tendência era de absolvição. O promotor José Augusto Veras Gadelha admitiu no começo do julgamento que as provas contidas no processo eram frágeis. As científicas não existiam, e...

04 Dezembro 2020